PEC 534 APROVADA JÁ!!!

PEC 534 APROVADA JÁ!!!

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Guarda Municipal de Tucano (BA) encontra plantação de maconha

Agentes da Guarda Civil Municipal de Tucano encontraram uma pequena plantação de maconha em terreno baldio, nas proximidades da Rua da Creche.
O grupamento chegou ao local após denúncia anônima feita por moradores através do telefone emergencial 153. Plantar maconha é crime, conforme o artigo 28, parágrafo 1º, da Lei Nº. 11.343/06, que institui o Sistema Nacional de Políticas Públicas sobre Drogas (SISNAD).
“As denúncias são de extrema relevância no combate à violência e à criminalidade e auxiliam os órgãos de segurança a ter uma ação mais efetiva. Devem sempre ser feitas para fortalecer a segurança da comunidade”, afirmou Carlos Alberto Farias, Secretário Municipal de Segurança e Ordem Pública.


Fonte: Secretaria Municipal de Segurança e Ordem Pública de Tucano/BA

terça-feira, 25 de julho de 2017

Guarda Municipal de Amélia Rodrigues (BA) ajuda a garantir tranquilidade durante a Ressaca do São Pedro

Guarnição da Guarda Municipal de Amélia Rodrigues atuando durante a Ressaca do São Pedro. Fotos: Berimbau Noticias

Durante os dias 22 e 23 de julho foi realizado no distrito de Mata de Aliança, a Ressaca do São Pedro, evento realizado pela Prefeitura Municipal, na qual a participação da Guarda Civil Municipal de Amélia Rodrigues ajudou a garantir a tranquilidade nos dois dias do evento.
A festa da Ressaca do São Pedro é uma festividade tradicional no município, na qual pela primeira vez a Guarda Civil Municipal atuou neste evento, onde interviu em situações evitando ocorrências mais graves, mantendo a segurança, tranquilidade, para que todos pudessem curtir bastante a festa.



Por Alan Braga com informações da GCM de Amélia Rodrigues/BA

Guardas Municipais de Queimadas (BA) decidem paralisar atividades por não cumprimento de reivindicações da categoria

Guardas Municipais de Queimadas em assembleia com o SINSPMUQ decidem paralisar atividades. Fotos: SINSPMUQ

Na manhã desta terça-feira, 25 de julho de 2017, os Guardas Municipais de Queimadas em assembleia com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais – SINSPMUQ, decidiram paralisar suas atividades entre os dias 31 de julho a 03 de agosto de 2017. A assembleia foi coordenada pelo GCM Eduardo que também é presidente sindicato
A tempos que os agentes da Guarda Civil Municipal vem reivindicando mudanças e melhorias para a categoria, dentre as principais reivindicações estão, a criação e implantação do estatuto e plano de cargos da categoria, adicional de periculosidade de 30%, formação dos agentes com base na matriz curricular de formação de GCM´s, aquisição de novos fardamento ou a aprovação de um auxilio fardamento, criação da corregedoria e ouvidoria, auxilio alimentação e cursos de aperfeiçoamento para que os agentes possam estar cada vez mais preparados para atender a população.
Os guardas municipais esperam que com essa mobilização possam alcançar seus objetivos e que essas demandas sejam cumpridas pela gestão municipal para que os GCM´s possam estar cada vez mais atuantes levando mais segurança para a população do município de Queimadas.


Por Alan Braga com informações do SINSPMUQ

Em mais uma ação, FEBAGUAM fornece projetos para a Guarda Municipal de Lucas do Rio Verde (MT) realizar sua reorganização

Nesta terça-feira, 25 de julho de 2017, por intermédio do GCM Alan Braga, a Federação Baiana de Associações de Guardas Municipais – FEBAGUAM, em parceria com a Guarda Municipal de Lucas do Rio Verde, corporação do interior do estado do Mato Grosso, encaminhou projetos para mais esta importante GCM, para o GCM Bernardo e o Secretário de Segurança e Advogado Criminalista, Sr. Alexandre William.
Essa parceria visa buscar dar uma nova reorganização da Guarda Municipal de Lucas de Rio Verde, tornando-a mais atuante garantindo mais segurança para a população e dando mais valorização profissional aos seus agentes. Foram encaminhados neste primeiro momento os seguintes projetos:

  • ·         Criação de Conselho Municipal de Segurança;
  • ·         Regimento Interno do Conselho Municipal de Segurança;
  • ·         Título honorífico de mérito Patrulheiro, Protetor e Amigo;
  • ·         Criação de Patrulha Maria da Penha;
  • ·         Criação de ronda escolar;
  • ·         Criação de patrulhamento ambiental com poder de fiscalização;
  • ·         Informações para participação nos cursos EAD Senasp;
  • ·         Normativa de carteira de identificação funcional;
  • ·         Normativa de uso de veículos da GCM;
  • ·         Normativa de uso, controle e fiscalização de equipamentos da GCM;
  • ·         Auxilio fardamento;
  • ·         Fiscalização do código de postura do município;
  • ·         Criação da corregedoria e ouvidoria GCM;
  • ·     Criação de proibição e fiscalização de sons veicular e de empreendimentos próximos as escolas.


Na segunda parte estará sendo enviado também os projetos de alteração do texto da Lei de Criação da GCM para esta em conformidade com a Lei Federal 13.022/14, Gratificação de Regime Especial de Trabalho Policial da GCM, criação do núcleo de estatístico da GCM, criação do núcleo de formação e aperfeiçoamento da GCM, gratificação de instrutor GCM, fundo municipal de segurança, fundo de modernização da GCM, informações para porte de armas institucional, informações para implantação do INFOSEG e Estatuto com plano de cargos.
 “Nós da FEBAGUAM temos a imensa satisfação de buscar está ajudando as Guardas Municipais tanto da Bahia como de outros estados dentro das nossas possibilidades e limitações. E vemos essas parcerias como algo extremamente importante para que possamos ajudando a melhorar muitas GCM´s”, disse o GCM Alan Braga.
Essa parceria visa ser um modelo para todo o estado do Mato Grosso, onde a Guarda Municipal de Lucas do Rio Verde busca ser um referencial positivo para as demais corporações GCM do estado mato-grossense.


Fonte: FEBAGUAM

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Em mais uma parceria, FEBAGUAM fornece projetos para a Guarda Municipal de Cocos (BA)

Nesta segunda-feira, 24/07/17, por meio de mais uma parceria solicitada a Federação Baiana das Associações de Guardas Municipais – FEBAGUAM, através do GCM Alan Braga, foi encaminhado para a apreciação da Prefeitura Municipal de Cocos, na região oeste da Bahia, através do GCM Fabio, os seguintes projetos para a organização da corporação da Guarda Civil Municipal:

- Regimento Interno Disciplinar;
- Normativa de Carteira Funcional;
- Normativa de Uso de Veículos da GCM;
- Inserção da GCM no Plano Plurianual Orçamentário;
- Auxílio fardamento;
- Atuação na fiscalização do código de postura do município;
- Informações sobre implantação da Patrulha Maria da Penha;
- Informações sobre implantação do número 153;
- Informações sobre atuação na área ambiental;
- Criação do Fundo de Modernização da GCM;
- Criação de Taxa de Serviços da GCM;
- Informações para participação dos Guardas Municipais no cursos da SENASP;

Parcerias como esta podem ser solicitadas por meio do e-mail da FEBAGUAM: febaguam@gmail.com.
“Dentro das nossas possibilidades estamos nos esforçando para esta ajudando na causa das GCM´s, e buscando formas para que possam se reorganizar e melhorarem suas ações, estrutura e condições de trabalho”, disse o GCM Alan Braga, Secretário do Conselho Deliberartivo da FEBAGUAM




Fonte: FEBAGUAM

Denúncia: FEBAGUAM investiga denúncia de implantação de Guarda Municipal irregular em Paratinga (BA)

Ao receber denúncias de possível implantação de Guarda Municipal em regime de contratação no município de Paratinga, região oeste da Bahia, sem o devido concurso público para preenchimento de cargos de carreira, algo que está completamente irregular perante o artigo 9º da Lei Federal 13.022/14, a Federação Baiana das Associações de Guardas Municipais – FEBAGUAM, através do GCM Alan Braga, esta juntando informações para comprovação do fato, onde já conseguiu constatar a aquisição de fardamentos para a Guarda Municipal por meio de dispensa de licitação, porém no município não existe nenhum agente da GCM devidamente concursado.
Estamos anexando essa informação a outras e estaremos dando entrada com mais uma ação no Ministério Público Estadual contra esse desrespeito à legislação.
A FEBAGUAM vem tentando acompanhar as diversas irregularidades que ainda vem ocorrendo na Bahia, onde dentro de suas limitações está buscando agir para que o Estatuto Geral das Guardas Municipais seja respeitado.


Fonte: FEBAGUAM

Guarda Municipal de Uauá (BA) realiza ação preventiva para evitar caça predatória e a proteção da área da Gruta do Gerônimo

Agentes da GCM de Uauá na comunidade de Curundundum durante ação de patrulhamento preventivo e proteção ao patrimônio ambiental. Foto: GCM de Uauá/BA.

Nesta sexta-feira, 21 de julho de 2017, a Guarda Civil Municipal de Uauá atendendo à solicitação da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, se deslocou até a comunidade de Curundundum, mais precisamente na Gruta do Gerônimo, com a finalidade de coibir a caça predatória e a preservação do patrimônio ambiental e cultural.
Na comunidade, a Guarda Civil Municipal ouviu diversos relatos, denúncias e sugestões para ações da corporação na localidade, na qual a população ficou bastante satisfeita com a presença dos agentes da GCM, solicitando para que estejam sempre presentes para garantir a tranquilidade no local assim como está ajudando a preservar o importante patrimônio ecológico da área da Gruta do Gerônimo que também recebi diversos visitantes de muitos lugares diferentes.




Por Alan Braga com informações da GCM de Uauá/BA

domingo, 23 de julho de 2017

Núcleo de Estatísticas nas Guardas Municipais: Para que serve, qual sua função e importância?

Por Alan Braga

Resumo

Mostrar a importância da estatística para as organizações de Guardas Municipais, a importância de se possuir um núcleo estatísticos e desses dados para suas ações cotidiana e em seu planejamento estratégico para uma maior eficiência, mostrando o que é, para que serve, como se criar e qual seu papel perante as corporações GCM.

Palavras-chave: Estatística, Planejamento, Organização, Guarda Municipal


Introdução


O que atualmente se conhece como Ciências Estatísticas, ou mais simplesmente falando Estatística, na verdade trata-se de um conjunto de metodologias e técnicas que de uma forma geral envolve a questão do planejamento do experimento, a questão do processamento dos dados, a análise desses dados coletados e por último a disseminação das informações por meio de conclusões baseadas nas probabilidades apresentadas.
Apesar da Estatística ser considerada uma ciência relativamente recente na área da pesquisa, é possível notar a presença da mesma desde os tempos da antiguidade, na qual as questões contagem da população, das riquezas existentes assim como o poderio militar, já se eram informações para obter o grau de importância daquelas regiões, nações e impérios, assim como essas informações poderiam afeta-los política, economicamente e na sua força de defesa e novas conquistas através do seu poderio militar.
Durante a expansão mercantilistas entre os séculos XVI e XVIII, as nações europeias que começaram a explorar esta área, buscavam conquistar novas áreas e baseavam-se no poder econômico para demonstrar o seu poder político, desta forma, os conquistadores europeus para manter o controle de seu poder viram a necessidade de ter coletas de informações que eram geradas para que pudessem as noções exatas das suas produções do seu comércio exterior, seus ganhos comerciais, assim como cálculos de impostos.
Nos dias atuais, a Estatística se tornou uma ferramenta extremamente importante e estratégica para as corporações, onde os dados são obtidos, classificados e armazenados em meios eletrônicos, tendo a sua disponibilização em diversos sistemas, que muitas vezes são utilizadas para as tomadas de decisões das corporações assim como fonte de informação para pesquisados, cidadãos e demais organizações da sociedade.


O que é a estatística?


Na matemática a estatística é uma ferramenta estratégica, na qual é uma que trabalha com probabilidades, onde usa um universo de dados para projetar informações importantes que podem ser bastante usadas no planejamento estratégico das organizações para tomadas de decisões importantes para o seu cotidiano profissional.
Segundo Farias Soares & César (2003), a estatística é uma ciência que se dedica ao desenvolvimento e ao uso de métodos para coleta, resumo, organização, apresentação e análise de dados.
A estatísticas utiliza medidas que são incertas, porém utilizada métodos que tem como a sua base a teoria das probabilidades, usando coletas de dados, analises e a interpretação de todos os dados numéricos gerados.


Para que serve a estatística nas organizações?


A estatística entra nas organizações como uma ferramenta para tomada de decisões, onde estuda através das etapas como coleta de dados, descrição de dados, cálculos e interpretação dos coeficientes encontrados, sendo que estas informações podem mostrar a evolução da organização num modo geral assim como em situações especificas por assuntos pesquisados, montando-se um banco de dado com o conjunto dessas informações que poderão facilitar a organização em seu planejamento de ações estratégicas, ou até mesmo em fazer análise das ações que já realizada cotidianamente.
Segundo Alves (2003), para que o nível de qualidade possa ser atingido, devem-se utilizar técnicas estatísticas convenientes e recorrer ao empenho geral de todos os envolvidos na melhoria continua para estabilidade de um processo. Ou seja, nas organizações não bastam apenas coletas dados, analisa-los, fazer as interpretações, gerar banco de dados e depois deixá-los armazenados, é necessário se deter destas informações e fazer com que as mesmas sejam utilizadas no cotidiano administrativo e organizacional para sua melhor eficiência estratégica, em seu planejamento de ações, no melhorando das ações que já vem sendo realizadas, fazendo que com que todas as informações geradas também sejam parte de tomadas de decisões para deixar a organização mais eficiente e gerando melhores resultados perante a sua função, metas, objetivos e missão perante ao mercado que se encontra, perante sua função social, etc.
Através de coletas de dados, processamento e análise das informações sobre assassinato de Guardas Municipais, foi constatado no ano de 2014 que os estados de São Paulo e a Bahia, foram respectivamente os estados com os maiores índices de ocorrência de homicídios destes agentes, conforme pesquisa divulgada pela Federação Baiana das Associações de Guardas Municipais, onde inclusive foi constatado que essas mortes se dão muitas vezes pela atuação cotidiano dessas corporações que mesmos em muitos casos ainda atuando com agentes desarmados são bastante expostos a violência do desempenho de suas atividades, pois justamente uma das questões de competência das Guardas Municipais em conformidade com a Lei Federal nº 13.022/14, é atuar preventivamente no patrulhamento inibindo ações delituosas, e ao atuar sobre esses fatos acabam sendo aos de muitos criminosos. Ou seja, foi de fundamental importância essa divulgação estatística de assassinato desses agentes para que pudesse começar a demonstrar o risco da atividade que os guardas municipais correm no desempenhar de suas atividades, para inclusive possam está buscando mais equipamentos para sua proteção individual e colete, para desempenhar cada vez melhor suas atividades tanto com mais segurança ao agente como para a sociedade, como também para buscar com argumentações concretas gratificações especificas relacionadas ao risco com a exposição a sua integridade física e psicológica a qualquer tipo de violência que pode ocorrer até na perda da sua vida em detrimento da sua atividade, que segundo a Ordem dos Advogados do Brasil - OAB e Código Brasileiro de Ocupações – CBO, é considerada uma profissão de cunho policial.

Para que serve a estatística e o núcleo estatístico na Guarda Municipal?

Para a corporação da Guarda Municipal, a estatística vai ser uma ferramenta de suma importância para uma análise geral da corporação, onde estará dando fomentação para o comando da instituição para tomadas de decisões que poderão tornar a Guarda Municipal mais eficiente perante as suas atribuições, competências, assim como perante a Administração Pública e a sociedade.
Na Guarda Municipal, o núcleo estatístico vai gerar um banco de dado a partir de todas as informações que estão na corporação e no desempenho de suas atividades, onde estas informações poderão está sendo uma ferramenta estratégica para tomada de decisões, ampliação de ações, aquisição de materiais mais eficientes para o desempenho de suas rotinas administrativas e operacionais, mostrar a evolução da corporação, mostrar os resultado obtidos das ações da corporação, mostrar a sua eficiência perante a administração pública, mostrar como as ações da Guarda Municipal pode está sendo fundamental na redução da violência local, assim como na diminuição dos custos com a proteção e com redução da depredação do patrimônio público, ajudando também a conhecer seus dados internos referente a seu efetivo, seus materiais e sua estrutura, e como estes tornam mais ou menos eficientes os resultados operacionais e administrativos.
Segundo Corrêa e Corrêa (2006) as ferramentas estatísticas não resolvem e nem melhoram as situações existentes, porém na verdade, essas ferramentas utilizadas na estatísticas apoiam e auxiliam pessoas na tomada das decisões que poderão está resolvendo os problemas assim como melhorando as situações organizacionais. Ou seja, para o comando da Guarda Municipal vai ser como uma ferramenta de gerenciamento para muitas das suas decisões internas para uma melhor administração de toda a corporação numa visão geral.
Enfim, o núcleo estatístico vai ser uma ferramenta com informações importantes para que inclusive o comando da corporação possa ter dados concretos de toda a corporação ajudando para um gerenciamento mais eficiente com argumentos científicos e estudos técnicos.


Como criar um núcleo de estatística na Guarda Municipal?


A criação do Núcleo Estatístico da Guarda Municipal para ser oficial deve estar integrado na linha organizacional da corporação como uma unidade interna da instituição, onde estará fazendo a coleta de todos os dados gerados pela corporação para que possa está realizando as analises, interpretações e gerando banco de dados com tudo que for pesquisado.
O ideal que este setor seja citado na parte do organograma oficial da corporação, de preferência na lei de criação da corporação onde se tratar da estrutura organizacional da GCM, podendo também ser citado no Regimento Interno Disciplinar e Estatuto dos Servidores da Guarda Municipal, onde terá a destinação de pessoas devidamente preparadas para estarem dando um melhor resultado, onde estas informações serão de muita importância para uma eficiência maior do gerenciamento de toda a corporação da Guarda Municipal. Como atribuições deste núcleo ao ser criado podemos citar as seguintes:

  1. ·       Elaboração de análises e relatórios estatísticos apontando os números, as variações e a predominância das ocorrências atendidas pela Guarda Municipal;
  2. ·         Manter o controle dos boletins de ocorrência registrados pela Guarda Municipal;
  3. ·   Obter e acompanhar dados estatísticos e informações relativas à defesa social e prevenção a violência de interesse do Município;
  4. ·         Estabelecer procedimentos e rotinas de sua área de atuação;
  5. ·       Realizar coletas de dados internos, análises e interpretações sobre o efetivo, material, ações, projetos da corporação para descrever informações para tomadas de decisões estratégicas e que possam ajudar no planejamento da corporação;
  6. ·         Articular e colaborar com outras unidades da GCM e da Secretaria que a corporação estiver vinculada em assuntos de sua competência;
  7. ·         Assessorar em assuntos da corporação e,
  8. ·         Executar outras atividades correlatas.
Essas atribuições podem ser listadas no momento de criação deste núcleo de forma oficial na corporação da Guarda Municipal para deixar claro e de forma objetiva qual a sua funcionalidade dentro da organização.


Conclusão


A estatística é uma ferramenta de fundamental importância para as organizações assim como qualquer corporação de Guarda Municipal, na qual a mesma resume informações que devem ser utilizados em decisões para um melhor gerenciamento da corporação.
Manter um banco de dados estatísticos facilita um melhor controle de toda a corporação, onde se terão informações concretas, numéricas, descritas em informações potenciais para um melhor desempenho em suas ações administrativas, operacionais, missões e demais operações realizadas pelas Guardas Municipais em seu cotidiano.
Todas as Guardas Municipais devem buscar gerar estatísticas sobre tudo que a mesma possui e realiza, tanto sobre os dados internos como por exemplo sobre seu efetivo, seus materiais, custos, como de dados externos como suas ações, eficiência das ações, questões locais sobre a violência, etc., para que possa está dando uma importante fonte de tomada de decisão, gerenciamento, assim como para serem usados na defesa da corporação e ampliação das suas ações para que possa levar mais segurança à população através da prevenção de atos criminosos e a proteção do patrimônio público em geral.


Referências


ALVES, C. C. Gráficos de Controle CUSUM: um enfoque dinâmico para a análise estatística de processos. Florianópolis. Dissertação de mestrado do Centro Tecnológico do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção da Universidade Federal de Santa Catarina. 2003.
CORRÊA, H. L.; CORRÊA, C. A. Administração de Produção e Operações. 2 ed. São Paulo: Atlas, 2006.
FARIAS A., SOARES, J. & CÉSAR, C.Introdução à Estatística. Rio de Janeiro: Ed. LTC, 2003.
GONÇALVES, Guilherme. Estatística no Mundo Espresarial. Disponível em <http://www.administradores.com.br/artigos/marketing/estatistica-no-mundo-empresarial/66653/>. Acesso em 22 jul 2017.
BRAGA, Alan Santos. Bahia destaca-se como 2º lugar em assassinatos de Guardas Municipais. Disponível em <http://febaguam.blogspot.com.br/2015/08/bahia-destaca-se-como-2-lugar-em.html>. Acesso em 22 jul 2017.


Sobre o autor:


Alan Santos Braga
Guarda Civil Municipal de Salvador/BA
Autor dos livros “Desvendando as Guardas Civis Municipais”, “Guarda Municipal e a Proteção do Meio Ambiente” e “Guarda Municipal e a Ronda Escolar”.

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Representante da FEBAGUAM participa da inauguração da sede da Guarda Municipal de Itaquara (BA)

Comandante da GCM Gutemberg Almeida (à esquerda), Prefeito Marco Aurélio (ao centro à esquerda), vice-prefeito Francisco à direita e o GCM Alan Braga ao centro entregando os livros durante a inauguração da sede da GCM de Itaquara. Foto: GCM de Itaquara/BA

Na tarde desta quarta-feira, 19/07, o Prefeito de Itaquara, Sr. Marco Aurélio (que é o prefeito mais jovem da Bahia com 24 anos de idade e o segundo mais jovem do Brasil) fez pessoalmente a inauguração da sede da Guarda Civil Municipal de Itaquara, localizada num ponto estratégico próximo a rodoviária e o centro da cidade, com a presença do Vice-prefeito, Sr. Francisco, Secretários, vereadores e a população.
Até então os Guardas Municipais de Itaquara não possuíam nem fardamento nem sequer uma sede para fazer suas reuniões e ponto de encontro, sempre viviam de descasos de gestões anteriores e a atual gestão vem buscando valorizar a categoria no município.
Na oportunidade, o representante da Federação Baiana das Associações de Guardas Municipais - FEBAGUAM, GCM Alan Braga, também esteve presente na inauguração, na qual já tinha fornecido o projeto de regularização da Guarda Civil Municipal de Itaquara, onde se comprometeu a também fornecer outros projetos para a organização desta GCM assim como para captação de recursos e investimentos. Além do compromisso firmado com os GCM's de Itaquara e a Prefeitura, o GCM Alan Braga presentou o Prefeito Marcos com exemplares dos seus livros.
"Para nós da Guarda Civil Municipal de Itaquara receber essa sede da corporação assim como o fardamento foi um marco importante para a valorização de nós GCM e que possamos trabalhar ainda mais para sermos cada vez mais atuantes no município e uma referência positiva na região", disse o Comandante da corporação, GCM Gutemberg Almeida.
Na inauguração da sede da GCM de Itaquara também tiveram presentes representantes das Guardas Municipais de Santa Inês, Brejões, Santa Inês e Ubaíra.


Fonte: FEBAGUAM

segunda-feira, 17 de julho de 2017

Guarda Municipal de Acopiara (CE) recebe projetos da FEBAGUAM para sua reorganização

Nesta segunda-feira, 17/07/17, por meio de mais uma parceria solicitada a Federação Baiana das Associações de Guardas Municipais – FEBAGUAM, através do GCM Alan Braga, foi encaminhado para a apreciação da Prefeitura Municipal de Acopiara, estado do Ceará, através do Comandante da Guarda Civil Municipal, GCM José Pereira da Silva Junior, os seguintes projetos para a organização da corporação da Guarda Civil Municipal:

- Normativa de Carteira Funcional;
- Normativa de Uso de Veículos da GCM;
- Inserção da GCM no Plano Plurianual Orçamentário;
- Auxílio fardamento;
- Atuação na fiscalização do código de postura do município;
- Atuar na fiscalização de sons de veículos e estabelecimentos comerciais nos entornos as unidades de ensino;
- Conselho Municipal de Segurança;
- Regimento Interno do Conselho Municipal de Segurança;
- Taxas de serviços e Fundo de Modernização da GCM;
- Verbas de subvenção;
- criação da Patrulha Maria da Penha;
- Informações sobre implantação do número 153;
- Informações para participação dos Guardas Municipais no cursos da SENASP;
- Informações sobre Projeto Social Guarda Mirim Ambiental.

Parcerias como esta podem ser solicitadas por meio do e-mail da FEBAGUAM: febaguam@gmail.com.
“Mais uma vez estamos buscando fazer a nossa parte para ajudar na causa, contribuindo como podemos para fazer as Guardas Municipais se destacarem cada vez mais no cenário local, regional, estadual e até nacional, e estamos disponível a ajudar muitas outras GCM´s dentro das nossas possibilidades”, disse o GCM Alan Braga, Secretário do Conselho Deliberartivo da FEBAGUAM




Fonte: FEBAGUAM

Ação social da Guarda Municipal de Alagoinhas (BA) entrega donativos recolhidos através de campanha

Na tarde deste domingo, dia 16 de julho, agentes da Guarda Civil Municipal de Alagoinhas realizaram a entrega de donativos adquiridos através da campanha do agasalho, iniciada no último dia 12/07, que contou com a parceria e solidariedade de toda a população Alagoinhense.
Foram arrecadados cobertores, agasalhos e demais itens, e distribuídos em primeira etapa na comunidade do Cruzeiro dos Montes, ajudando a quem mais precisa.
A Guarda Civil ressalta que a colaboração de todos foi e está sendo muito importante; e pede que todos continuem fazendo as suas doações. A campanha estende-se até o dia 20 de agosto de 2017. O ponto para arrecadação é na sede da Guarda Municipal, situada à Rua B, Inocoop II, Alagoinhas Velha, das 07 às 13 horas.









Fonte: Guarda Civil Municipal de Alagoinhas/BA

Guarda Municipal de Andaraí (BA) e Polícia Militar garantem a segurança em mais um grande evento

GCM e PM atuaram conjuntamente garantindo a tranquilidade do evento. Fotos: GCM de Andaraí/BA.

No dia 16 de julho de 2017, a Guarda Civil Municipal e a Polícia Militar, atuaram na segurança e manutenção da ordem pública da V Cavalgada de Andaraí, município da região Central da Bahia e área da Chapada Diamantina.
O evento aconteceu com a participação de vários munícipes assim como pessoas e grupos de vaquejadas da região, onde os participantes fizeram um percurso de 5 km, saindo do início da cidade de Andaraí, passando pelas ruas da cidade e indo até o balneário do Rio Paraguassu, onde na chegada a este último local teve uma grande feijoada para todos os participantes e visitantes do evento.
No final do evento retornando a cidade de Andaraí na comemoração do evento teve um show com bandas para todos os participantes e para o público em geral, onde a Guarda Civil Municipal e a Polícia Militar acompanharam todo o evento que aconteceu sem nenhuma ocorrência e com total tranquilidade.







Fonte: Guarda Civil Municipal de Andaraí/BA

Agentes da Guarda Municipal de Fátima (BA) realizam sonho e fazem a alegria de garoto em seu aniversário

Guardas Civis Municipais de Fátima realizando sonho do garoto Gabriel em seu aniversário. Fotos: GCM de Fátima/BA

No último sábado, 15 de julho de 2017, a guarnição de plantão da Guarda Municipal de Fátima, foi convidada a prestigiar o aniversário do garoto Gabriel a pedidos dos familiares do garoto que tem o sonho de ser um Guarda Civil Mirim, que foi prontamente atendido pelos agentes.
Comovidos com tamanho sonho do garoto Gabriel, a guarnição composta pelo Subcomandante, GCM Santos, e dos GCM´s Francisco, Oliveira e Jubismario, compareceu ao local do evento para prestigiar o jovem Gabriel, e fazer a felicidade do mesmo com a presença dos guerreiros da Guarda Civil Municipal. O jovem ficou bastante feliz com a presença dos agentes, onde o mesmo também estava uniformizado, para a surpresa dos agentes da GCM, a pedido do próprio garoto aos seus pais no dia da festa de aniversário do mesmo com o uniforme da Guarda Civil Municipal de Fátima.
“São coisas simples como essas e que nos emociona, onde somos surpreendidos com um sonho de um garoto em fazer parte da Guarda Civil Municipal, fazendo valer a pena trabalhar cada vez mais com empenho, dedicação e esforço, mostrando inclusive nosso trabalho vem sendo reconhecido no município, e que desejamos continuar a fazer muito mais e quem sabe sermos o sonho e desejo de muitos outros garotos nos tornando bons exemplos a serem seguidos, e afasta-los das coisas ruins deste mundo”, disse o Subcomandante GCM Santos a nossa redação.


Por Alan Braga

Fonte: FEBAGUAM

sábado, 15 de julho de 2017

Guarda Municipal de Feira de Santana (BA) ganha base avançada na praça da matriz

Nesta sexta-feira, 14/07/2017, em Feira de Santana/BA, depois de muita reivindicação da Associação dos Guardas Municipais de Feira de Santana, foi inaugurada uma base avançada e digna na praça da matriz. 
Com essa importante base, os GCM´s poderão desenvolver o seu trabalho de proteção aos cidadãos que circulam todos os dias naquele local. Com câmeras de vídeo monitoramento.
Há mais de três anos, foi instalado um trailer sem condições nenhuma de trabalho, e nesta sexta-feira pudemos participar de mais uma conquista da AGMFS.



Por GCM Angela Porto - Presidente da Associação dos Guardas Municipais de Feira de Santana/BA

Em mais uma parceria, FEBAGUAM encaminha projetos para a organização da Guarda Municipal de Girau do Ponciano (AL)

Neste sábado, 15/07/17, por meio de mais uma parceria solicitada a Federação Baiana das Associações de Guardas Municipais – FEBAGUAM, através do GCM Alan Braga, foi encaminhado para a apreciação da Prefeitura Municipal de Girau do Ponciano, estado de Alagoas, através do GCM Rodrigo Santos, os seguintes projetos para a organização da corporação da Guarda Civil Municipal:

- Regimento Interno Disciplinar;
- Normativa de Carteira Funcional;
- Normativa de Uso de Veículos da GCM;
- Inserção da GCM no Plano Plurianual Orçamentário;
- Auxílio fardamento;
- Atuação na fiscalização do código de postura do município;
- Conselho Municipal de Segurança;
- Regimento Interno do Conselho Municipal de Segurança;
- Verbas de subvenção;
- Informações sobre implantação da Patrulha Maria da Penha;
- Informações sobre implantação do número 153;
- Informações para participação dos Guardas Municipais no cursos da SENASP;

Estará sendo encaminhado também o projeto de adequação da Lei de Criação da Guarda Civil Municipal assim como também o projeto para criação do Fundo Municipal de Segurança para que possam tanto dar uma nova redação da legislação da GCM de Girau do Ponciano perante a Lei Federal 13.022. como também abrir a possibilidade de criar uma nova forma de ter recursos para a manutenção da corporação.
Parcerias como esta podem ser solicitadas por meio do e-mail da FEBAGUAM: febaguam@gmail.com.
“Dentro das nossas possibilidades estamos nos esforçando para esta ajudando na causa das GCM´s, e buscando formas para que possam se reorganizar e melhorarem suas ações, estrutura e condições de trabalho”, disse o GCM Alan Braga, Secretário do Conselho Deliberartivo da FEBAGUAM



Fonte: FEBAGUAM

Guardas Municipais de Maragojipe (BA) participam de palestra sobre a Lei Federal 13.022

Foi realizado no último dia 12 de julho de 2017, na Casa de Cultura de Maragojipe, uma palestra sobre a Lei Federal 13.022/14, que sobre o Estatuto Geral das Guardas Municipais, que teve como palestrante o GCM Jucemir Araújo, da Guarda Civil Municipal de Feira de Santana.
Os Guardas Municipais de Maragojipe presentes a esta palestra puderam interagir com o palestrante sobre esta temática de profunda importância para a categoria por se tratar de uma legislação especifica que regulamenta a corporação da Guarda Municipal no Brasil, que está para completar 3 anos de sancionada.
Durante a palestra foram abordados os conceitos da legislação e sua aplicabilidade no cotidiano dos agentes da Guarda Municipal.





Fonte: Guarda Municipal de Maragojipe/BA